domingo, 25 de outubro de 2009

Não a causa, mas o FIM!!

Estou no início de um livro chamado "Tempo de Descoberta", do autor; Fábio Diniz, ontem finalizei a leitura em um capítulo muito triste, em que se narra a perda de uma pessa muito próxima e querida por parte do protagonista da história.

Gostaria de refletir um pouquinho em algumas palavras deste capítulo;

" ...Aprendi que o grande segredo da vida, não é o que acontece, e sim como recebemos o que acontece, como reagimos nas situações da vida, e não apenas nas ruins, mas nas boas, nas quais o orgulho e vaidade nos tentam a viver em um mundo de ilusões..."

É engraçado como as pessoas gostam ou necessitam de atribuir causas a todas as circunstâncias em que vivemos, ' fulano tá passando por isso porquê no passado fez isso...ou eu devo estar passando por isso porquê... porquê, porquê, porquê....

Sim, é claro que existem as consequências de todos os nossos atos, de nossas escolhas, que são inevitáveis serem vividas e sim, com certeza iremos colher o quê plantamos...

Mas, para mim, essa não é a única verdade a respeito da vida...eu creio que há uma razão muuuiittoo maior do 'porquê' que determinadas coisas acontecem...que esta acima de qualquer outro ' porquê'!!

Eu penso que tudo o quê passamos tem um 'objetivo' e não simplesmente um 'porquê', inclusive o 'objetivo' é muito mais proveitoso do quê o 'porquê', uma vez que o 'objetivo' visa o futuro e o 'porquê' se atribui ao passado...

Eu creio que O Criador da vida, conhece plenamente o coração, e a personalidade de cada uma de suas criaturas...e para aqueles que decidiram por crerem em Sua existência e submeter sua vida a Vontade e Propósito DEle, Ele tem como objetivo usar as situações da vida para direcionar aquela vida ao seu propósito.

Sim, eu penso que a maioria das situações nós mesmo provocamos, com nossos desejos, teimosias, durezas, mas Ele usa tudo o quê acontece para preparar nossos coração, nossa maneira de ser para alcançar o Seu propósito...

Gosto de um exemplo, bem acessível a todos, que está da Palavra de Deus...
O princípe do Egito...José (Gn 37 até 45). Ele foi vendido pelos irmãos, pois estes o invejavam, uma vez que José era o filho predileto de Jacó e este demonstrava uma extrema autoconfiança, o quê incomodava demais os seus irmãos.

José foi vendido como escravo, foi acusado injustamente, foi preso, isso tudo durou muito tempo...um tempo de grande sofrimento; imagina que absurdo, o cara, de filho exemplar passou a ser escravo, depois acusado de abusador e por fim um prisioneiro, se ele fosse ficar pensanso o porquê ai ai ai, ele nunca chegaria em lugar algum, mas ele nunca se esqueceu da sua certeza; de que Deus tinha um propósito em sua vida, então ele buscou o objetivo e chegou até ele....Deus o colocou como governador do Egito!! e a vida de toda a sua família chegou até as suas mãos...a história é simplesmente extraordinária!!
A justiça de Deus se manifesta da forma DELE e nossos pensamentos não podem alcançar....

Por isso o importante é o quê fazemos com o quê acontece conosco, o foco não é a situação, mas sim o que ela produzirá em minha vida...talvez se José se tornasse o Governador sem passar por tudo o quê passou, não soubesse, ou não conseguiria administrar o Egito da forma sábia e prudente que administrou, talvez o orgulho e a vaidade pudesse tomar conta de seu coração...



Nenhum comentário:

Postar um comentário